Página Inicial
» Projetos
Desenvolvimento da gratidão e do materialismo em crianças e adolescentes

Coordenadores: Lia Beatriz de Lucca Freitas (UFRGS) e Jonathan Richard Henry Tudge (UNCG)

A valorização excessiva de bens materiais tem trazido prejuízos à saúde e à educação de crianças e adolescentes. Além disso, está tornando a vida em nosso planeta insustentável. Vivendo em uma cultura consumista, é importante investigar como se pode contrabalançar essa tendência, a fim de se criarem programas educativos e políticas públicas que sejam adequados a este fim. Resultados de pesquisas recentes sugerem que a gratidão pode contrabalançar o materialismo. No entanto, é essencial investigarem-se também as relações entre o desenvolvimento da gratidão e do materialismo dos jovens, bem como as contribuições dos valores de seus pais neste desenvolvimento.

Neste projeto de pesquisa, busca-se responder a seguinte questão: O desenvolvimento da gratidão pode contribuir para a redução do materialismo em crianças e adolescentes? Os seus principais objetivos são: (a) examinar as relações entre o desenvolvimento da gratidão e do materialismo em crianças e adolescentes e (b) investigar as contribuições dos valores dos pais na gratidão e no materialismo dos jovens. Para tal, propõem-se dois estudos relacionados.

O Estudo 1 examina o que crianças e adolescentes mais desejam/valorizam, formas de expressão de gratidão e a quem os jovens costumam agradecer. O Estudo 2 visa investigar as contribuições dos valores dos pais na constituição da gratidão e do materialismo de crianças e adolescentes. Este projeto é desenvolvido em parceria com o Dr. Jonathan Richard Henry Tudge da University of North Carolina at Greensboro (UNCG), Estados Unidos. Esta parceria possibilita incluir o Brasil em uma investigação mais ampla. O Dr. Tudge está realizando um estudo similar ao nosso, em diferentes países (Estados Unidos, China, Índia, México e Espanha), buscando entender as contribuições de diferentes culturas no desenvolvimento da gratidão e do materialismo de crianças e adolescentes.

Logotipo feito pela Luzz Design - Site desenvolvido pela msmidia.com